FR
Argentina
21/05/2018
Séries Anuais
A.1 População residente por naturalidade, 1981-2017
(indivíduos)
Anos População residente total Residentes nascidos no estrangeiro
Total Residentes nascidos em Portugal
N var. anual em %   % do total var. anual em % N % do total % do nascidos no estrangeiro var. anual em %
2017 44,271,041 2.0 2,164,524 4.9 3.8 5,147 0.0 0.2 3.8
2015 43,417,765 8.2 2,086,302 4.8 15.5 4,961 0.0 0.2 -26.9
2010 40,117,096 2.5 1,805,957 4.5 8.0 6,785 0.0 0.4 1.7
2005 39,145,488 8.0 1,673,088 4.3 9.2 6,673 0.0 0.4 -28.6
2001 36,260,130 -2.2 1,531,940 4.2 -0.5 9,340 0.0 0.6 3.3
2000 37,057,452 13.6 1,540,219 4.2 -4.7 9,046 0.0 0.6 -31.9
1991 32,615,528 16.7 1,615,473 5.0 -15.1 13,285 0.0 0.8 -36.0
1981 27,949,480 .. 1,903,159 6.8 .. 20,740 0.1 1.1 ..
Última atualização anual: 18/04/2018
Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de Instituto Nacional de Estadística y Censos, INDEC,  Población según los censos nacionales de 1895 a 2001 (população total); La migración internacional en la Argentina, Serie Estudios 29 (nascidos no estrangeiro, 1980, 1991), concedidos através de pedido; Censo 2001 (nascidos no estrangeiro, 2001), Censo de 2010United Nations Statistics Division (estimativas).
A.2 População residente por nacionalidade, 1981-2017
(indivíduos)
Anos População residente total Residentes estrangeiros
Total Residentes com nacionalidade portuguesa
N var. anual em %   % do total var. anual em %   % do total % dos estrangeiros var. anual em %
2017 44,271,041 2.0 .. .. .. .. .. .. ..
2015 43,417,765 8.2 .. .. .. .. .. .. ..
2010 40,117,096 2.5 .. .. .. .. .. .. ..
2005 39,145,488 8.0 .. .. .. .. .. .. ..
2001 36,260,130 -2.2 .. .. .. .. .. .. ..
2000 37,057,452 13.6 .. .. .. .. .. .. ..
1991 32,615,528 16.7 .. .. .. .. .. .. ..
1981 27,949,480 .. .. .. .. .. .. .. ..
Última atualização anual:18/04/2018
Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de Instituto Nacional de Estadística y Censos, INDEC,  Población según los censos nacionales de 1895 a 2001 (população total); La migración internacional en la Argentina, Serie Estudios 29 (nascidos no estrangeiro, 1980, 1991), concedidos através de pedido; Censo 2001 (nascidos no estrangeiro, 2001), Censo de 2010United Nations Statistics Division (estimativas).
A.3 Registos consulares, 2008-2014
(indivíduos)
Anos Total de inscritos Inscritos nascidos em Portugal Inscritos com nacionalidade portuguesa
N var. anual em % N % do total var. anual em % N % do total var. anual em %
2014 18,696 128.3 .. .. .. .. .. ..
2012 8,190 13.1 3,458 42.2 9.8 6,800 83.0 4.8
2011 7,239 14.1 3,149 43.5 12.1 6,490 89.7 2.7
2010 6,345 14.8 2,809 44.3 10.5 6,317 99.6 14.9
2009 5,526 14.6 2,542 46.0 8.7 5,499 99.5 14.6
2008 4,821 .. 2,339 48.5 .. 4,797 99.5 ..
Última atualização anual: 21/05/2018
Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de Consulados portugueses no estrangeiro e Sistema de Gestão Consular (DGACCP), valores de 31/12/2011 extraídos no dia 01/10/2012, de 31/12/2012 extraídos no dia 16/04/2013 e valores de 31/12/2014 extraídos no dia 12/03/2015.
A.4 Entradas de estrangeiros, 2005-2012
(indivíduos)
Anos Total de entradas Entrada de portugueses
N var. anual em % N % do total var. anual em %
2012 125,557 -2.2 29 0.0 52.6
2011 128,322 35.3 19 0.0 46.2
2010 94,815 -0.2 13 0.0 0.0
2009 95,019 18.2 13 0.0 -45.8
2008 80,374 61.6 24 0.0 140.0
2007 49,722 99.4 10 0.0 100.0
2006 24,940 28.7 5 0.0 -28.6
2005 19,373 .. 7 0.0 ..
Última atualização anual: 21/05/2018
Nota O número de entradas corresponde unicamente a residências permanentes (radicaciones permanentes), porque embora as temporárias possam ir até aos 2 anos, desconhecemos qual é o limite inferior.


Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de Dirección Nacional de MigracionesMinisterio del Interior, Estadísticas, radicaciones resueltas permanentes (acedido em 28/08/2013).
A.6 Remessas, 2000-2017
(euros, milhares, preços correntes)
Anos Enviadas para Portugal (a) Recebidas de Portugal (b) Rácio (a/b)
  var. anual em %   var. anual em %
2017 1,300 75.7 1,190 -3.3 1
2016 740 -18.7 1,230 19.4 1
2015 910 0.0 1,030 35.5 1
2014 910 102.2 760 375.0 1
2013 450 15.4 160 -53.0 3
2012 390 18.2 340 -39.3 1
2011 330 -67.6 560 3.7 1
2010 1,020 2.0 540 5.9 2
2009 1,000 222.6 510 -31.1 2
2008 310 244.4 740 -22.1 0
2007 90 200.0 950 6.8 0
2006 30 900.0 890 27.2 0
2005 3 -97.5 700 27.3 0
2004 120 20.0 550 7.8 0
2003 100 42.9 510 264.3 0
2002 70 -69.6 140 180.0 0
2001 230 53.3 50 .. 5
2000 150 .. 0 .. n.d.
Última atualização anual: 22/02/2018
Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de Banco de PortugalBP stat, Exploração multidimensional, Quadros predefinidos, Estatísticas de balança de pagamentos, Remessas de emigrantes/imigrantes.
Censos
B.2 População residente por sexo, segundo a naturalidade, 1991-2011
(indivíduos)
Sexo População residente total Residentes nascidos no estrangeiro Residentes nascidos em Portugal
N % N % N %
2010/2011            
População residente total .. 100 .. 100 6,986 100
Homem .. .. .. .. 3,259 46.7
Mulher .. .. .. .. 3,727 53.4
2001/2002            
População residente total .. 100 .. 100 9,272 100
Homem .. .. .. .. 4,482 48.3
Mulher .. .. .. .. 4,790 51.7
1991/1992            
População residente total .. 100 .. 100 13,229 100
Homem .. .. .. .. 7,070 53.4
Mulher .. .. .. .. 6,159 46.6
Última atualização anual: 21/05/2018
Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de United Nations, CEPAL
B.3 População residente por grupo de idade, segundo a naturalidade, 1991-2011
(indivíduos)
Grupo idade População residente total Residentes nascidos no estrangeiro Residentes nascidos em Portugal
N % N % N %
2010/2011            
População residente total .. 100 .. 100 6,986 100
-15 Anos .. .. .. .. 42 0.6
15-39 Anos .. .. .. .. 198 2.8
40-64 Anos .. .. .. .. 2,168 31.0
65+ Anos .. .. .. .. 4,578 65.5
2001/2002            
População residente total .. 100 .. 100 9,272 100
-15 Anos .. .. .. .. 35 0.4
15-39 Anos .. .. .. .. 208 2.2
40-64 Anos .. .. .. .. 3,648 39.4
65+ Anos .. .. .. .. 5,381 58.0
1991/1992            
População residente total .. 100 .. 100 13,229 100
-15 Anos .. .. .. .. 42 0.3
15-39 Anos .. .. .. .. 1,034 7.8
40-64 Anos .. .. .. .. 6,427 48.6
65+ Anos .. .. .. .. 5,726 43.3
Última atualização anual: 21/05/2018
Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de United Nations, CEPAL
B.5 População residente por condição perante o trabalho, segundo a naturalidade, 1991-2011
(indivíduos)
Condição perante o trabalho População residente total Residentes nascidos no estrangeiro Residentes nascidos em Portugal
N % N % N %
2010/2011            
População residente total .. 100 .. 100 6,700 100
Ativa empregada .. .. .. .. 2,561 38.2
Ativa desempregada .. .. .. .. .. 0.0
Inativa .. .. .. .. 4,139 61.8
2001/2002            
População residente total .. 100 .. 100 9,242 100
Ativa empregada .. .. .. .. 3,061 33.1
Ativa desempregada .. .. .. .. .. 0.0
Inativa .. .. .. .. 6,181 66.9
1991/1992            
População residente total .. 100 .. 100 13,131 100
Ativa empregada .. .. .. .. 5,309 40.4
Ativa desempregada .. .. .. .. .. 0.0
Inativa .. .. .. .. 7,822 59.6
Última atualização anual: 21/05/2018
Nota ! Na fonte não é feita distinção entre activa empregada e activa desempregada. População com 15 e mais anos. Outras situações ou valores em falta: 2010 - 244; 1991 - 56
Fonte Quadro elaborado pelo Observatório da Emigração, dados de Nações Unidas, CEPAL
Observações
[ .. ] dados não disponíveis, valores não significativos, não aplicável
e por estimativa
Bibliografia

Bibliografia em linha (texto integral)

Argentina

Dados

Nações Unidas, CEPAL: banco de datos en línea sobre investigación de la migración internacional en América Latina y el Caribe (IMILA)

Nações Unidas, DESA, Population Division: international migrant stock (the 2015 revision)

Entrevistas

Migrações locais, tanto na origem como no destino

Quando os portugueses na Argentina falam de Portugal é à sua aldeia que se referem

Nichos étnicos na emigração portuguesa histórica no Brasil

Investigação [+]

Moura, Fernando Carlos

Nemirovsky, Ada Svetlitza de

Do fado ao tango: emigração e emigrantes portugueses na região platina

Ligações [+]

Estudios Migratorios Latinoamericanos

De Portugal música e información (Argentina)

Ecos Lusitanos (Argentina)

Publicações

Migrações locais, tanto na origem como no destino

Recortes de imprensa [+]

Governo enaltece "valiosos contributos" de português Joaquim Campina na Argentina

Emigrantes revisitam lugares e revivem memórias 50 anos depois

Rancho composto por netos de emigrantes portugueses na Argentina em digressão pelo Algarve

Centros de Investigação

CEMLA – Centro de Estudios Migratorios Latinoamericanos

PDF
XLSX

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios