FR
Início / Destaques / 2018 / Entrada de portugueses nos EUA cresceu 17% em 2016
Entrada de portugueses nos EUA cresceu 17% em 2016
2018-01-30
Foram pouco mais de mil os portugueses que, em 2016, entraram nos Estados Unidos da América (EUA), segundo os dados do US Department of Homeland Security. Este organismo norte-americano contabilizou, em 2016, mais de um milhão de entradas de estrangeiros nos EUA (1,183,505), tendo os portugueses representado 0.1% daquele valor. +

A variação do número de entradas de portugueses nos EUA ao longo deste século tem, no geral, acompanhado as variações da imigração total naquele país. Depois de uma queda abrupta dos valores de ambas as séries na sequência dos acontecimentos do 11 de setembro de 2001, visíveis a partir de 2003, assistiu-se a uma recuperação mais pronunciada na imigração total do que nas entradas de portugueses. O valor máximo da série ocorreu em 2001, com a entrada de 1,601 portugueses, e o mínimo em 2010, com a entrada de 755. Em 2016, a emigração portuguesa para os EUA aumentou 17%, voltando a superar, pela primeira vez desde 2007, as mil entradas. Apesar desta subida, a emigração portuguesa para os EUA mantém-se reduzida, tanto em percentagem da emigração portuguesa total (1%), como, sobretudo, em percentagem das entradas totais de imigrantes nos EUA (0.1%).

 

 

Linkhttps://www.dhs.gov/immigration-statistics/yearbook/

 

Como citar Vidigal, Inês (2018), “Entrada de portugueses nos EUA cresceu 17% em 2016”, Observatório da Emigração. http://observatorioemigracao.pt/np4/5958.html

 

[por Inês Vidigal]

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios