FR
DESTAQUE
2018-06-20
Foram 270 os portugueses que, em 2017, entraram na Islândia, segundo os dados da Statistics Iceland. Aquele organismo islandês contabilizou um total de 11,758 entradas de estrangeiros no país, tendo os portugueses representado 2.3% da imigração nesse ano. +
PUBLICAÇÃO
Análise de uma série estatística longa sobre as entradas de migrantes estrangeiros no Canadá. A série, de periodicidade anual, inicia-se em 1966 e termina 50 anos depois, em 2016, no caso dos dados sobre entradas totais de estrangeiros e de portugueses naquele país. Os dados sobre as restantes nacionalidades de migrantes entrados no Canadá cobrem um período mais curto, de 35 anos, com início em 1980 e fim em 2015. A análise da série permite identificar o declínio da emigração portuguesa para o Canadá e suas relações com a evolução da imigração canadiana em geral. Esta evolução é marcada pelo progressivo declínio das origens europeias dos migrantes entrados no Canadá e o crescimento, em contrapartida, da imigração asiática.
ENTREVISTA
Entrevista com Caroline Brettell
Doutorada em antropologia pela Universidade de Brown, EUA, também foi aí que Caroline Brettel fez o Master of Arts. É licenciada em Estudos Latino-Americanos pela Universidade de Yale. Em 2009 foi nomeada University Distinguished Professor da Southern Methodist University, nos EUA, onde lecciona. É directora do Dedman College Interdisciplinary Institute. +
Notícias
[CONFERÊNCIA] Realiza-se no ISCTE, em Lisboa, no próximo dia 25 de junho às 17h30, mais um Encontro Mensal sobre Experiências Migratórias. Nesta sessão irá ser apresentada, por Shukriya Nazridod, uma comunicação sobre as crianças do Tajiquistão, intitulada por "Voices' of left behind children in Tajikistan". +

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios