FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa 2013
Investigador recolhe correspondência familiar para estudar emigração algarvia
2013-10-14

O investigador Marcelo Borges está a recolher correspondência familiar antiga de ou dirigida a emigrantes, de forma a concluir um estudo sobre as migrações históricas do Algarve e de Portugal em geral.

"Tenho trabalhado há muitos anos no tema específico da emigração algarvia na Argentina e gostava muito que as histórias dos emigrantes da região também façam parte deste projeto" revelou, em nota enviada ao Região Sul/Diário online, o professor de História no Dickinson College, universidade sediada em Carlisle, no estado da Pensilvânia, nos Estados Unidos.

O historiador quer recolher cartas particulares escritas por pessoas que emigraram ou dirigidas a emigrantes portugueses, para que possam, "contribuir para o conhecimento das múltiplas experiências da emigração na dimensão quotidiana e familiar".

As cartas servirão para um projeto ligado à história social da emigração portuguesa do séc. XIX e da primeira metade do séc. XX, através da correspondência privada, e serão estudadas na perspetiva histórica e linguística.

"Estamos, de igual modo, interessados em outras formas de contatos estabelecido por emigrantes e suas famílias, como cartões, postais e fotografias, assinala Marcelo Borges.

A correspondência será digitalizada e a confidencialidade dos dados será preservada, garante o professor universitário.

Os interessados poderão enviar as suas cartas para o endereço eletrónico cartas@dickinson.edu ou para a morada Projeto Cartas (Borges)/Department of History/Dickinson College/Carlisle, PA 17013/ EUA.

 Região Sul/Diário online, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 322

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios
ceg Logo IS logo_SOCIUS Logo_MNE Logo_Comunidades