FR
Início / Notícias e eventos / Notícias / Entrevista a Maria Beatriz Rocha Trindade
Entrevista a Maria Beatriz Rocha Trindade
Na véspera do I Congresso Mundial de Redes da Diáspora Portuguesa, foi conduzida por Ângela Roque (Renascença) e Lígia Silveira (Agência ECCLESIA) uma entrevista à especialista na área das migrações e membro do Conselho Científico do Observatório da Emigração. +

A primeira mulher antropóloga portuguesa, fundadora há 25 anos do Centro de Estudos das Migrações e das Relações Interculturais, destaca que «obrigações humanas» ultrapassam «leis nacionais» e lamenta criminalização da solidariedade o que chama de «retrocesso civilizacional».

Maria Beatriz Rocha Trindade olha para a ação «pioneira» da Igreja católica, «antecedendo o papel do Estado» no apoio aos emigrantes, sublinha o «pilar» que é a fé e a prática religiosa representam para quem está fora.

A mobilidade hoje é outra, reconfigurou os motivos de quem parte e deixou de ser «um drama», mas sem cair em generalizações a investigadora afirma que a emigração «licenciada” é uma pequena parte de uma grande fatia “de mão-de-obra não qualificada”.

 

Ver entrevista completa em Ecclesia aqui

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios