FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa 2018
Mais um problema para os lusodescendentes da Venezuela: não conseguem mexer nas contas pela internet
2018-08-29
Há já alguns dias que os lusodescendentes que vivem na Madeira regressados da Venezuela não conseguem aceder às contas em bancos venezuelanos pela internet. Agora foi a banca privada, mas antes já tinha sido o banco estatal a proibir o acesso ao dinheiro depositado naquele país. +

Ver notícia completa em Rádio Renascença aqui

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 322

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios