FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa 2009
31 milhões em todo o Mundo
2009-04-06
Emigração: Estudo teve como base a diáspora entre 1951 e 1965

O total de portugueses e luso-descendentes no Mundo, até à terceira geração, é superior a 31 milhões. A conclusão é do estudo ‘Emigração: A diáspora dos portugueses', realizado pelo empresário Adriano Albino, de 78 anos, que fez um levantamento dos portugueses que emigraram entre 1951 e 1965, através de entrevistas e recolha de dados.

O estudo teve em consideração o nome do emigrante, o estado civil, a data de chegada, a cidade de origem, o número de filhos, netos e bisnetos, de cada uma das regiões do Mundo.

Partindo dos 4,53 milhões de emigrantes originais registados nas estatísticas oficiais, o autor conseguiu calcular um coeficiente multiplicador dessas famílias que chegaram aos vários pontos do Mundo, o que lhe permitiu conhecer números concretos.

'Isto é o resultado de muita investigação, de muita convivência com a comunidade portuguesa. Se não houvesse essa diáspora, Portugal teria mais de 40 milhões de habitantes', garantiu Adriano Albino.

De acordo com os últimos dados do Eurostat, referentes a 2006, mais de cinco milhões de portugueses ou luso-descendentes vivem no estrangeiro e 40 mil escolheram viver noutro país da União Europeia. Nos últimos anos, a ida de portugueses para a Suíça registou um aumento: de 9355 em 2007 para 13 844 em 2008.

AUTOR TAMBÉM EMIGROU

Adriano Albino, o autor de ‘Emigração: a diáspora dos portugueses', emigrou para o Brasil em 1951. Dedicou-se ao turismo, onde foi responsável pelo acompanhamento dos emigrantes portugueses. 'Fiz disto uma empresa, entre 60 a 70 por cento dos portugueses que emigraram para o Brasil passaram pela minha orientação', disse. Motivado pelo trabalho, fez viagens a Portugal e recolheu dados sobre a emigração portuguesa, nomeadamente nas zonas rurais do País.

PORMENORES

PERÍODO

Entre 1951 e 1965, houve um período de grande emigração portuguesa, em busca de melhores condições.

DADOS

Estatísticas oficiais indicam que 4,53 milhões de portugueses emigraram de 1951 a 1965.

BRASIL

1,2 milhões de portugueses preferiram o Brasil, nomeadamente os estados de S. Paulo e Rio de Janeiro.

EMIGRANTES NO MUNDO

Um empresário emigrado no Brasil estudou os fluxos migratórios das últimas décadas e calculou o número de portugueses e descendentes, até à terceira geração, que vivem nos cinco continentes.

Estados Unidos e Canadá: 9,31 milhões

Brasil: 10,8 milhões

Europa: 7,54 milhões

África: 3,19 milhões

Ásia: 154 800

Oceânia: 193 360

Fonte: Estudo ‘Emigração: A diáspora dos portugueses'

Joana Nogueira com Lusa

Correio da Manhã, aqui, acedido em 4 de Maio de 2009.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios