FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2016
Governo português presta apoio a familiares de emigrante morta na Alemanha
2016-04-27
Corpo da portuguesa foi encontrado desmembrado. Lídia Maria Cruz estava dada como desaparecida desde dia 9 de abril

O Governo português está em contacto com um familiar da portuguesa de 43 anos que apareceu morta e com o “corpo desmembrado” em Leipzig, na Alemanha, disse à Lusa fonte oficial.

A Secretaria de Estado das Comunidades está em contacto com um dos familiares em Portugal e presta todo o apoio necessário para trasladação do corpo assim que as autoridades alemãs concluírem as investigações em curso”, disse à Lusa a mesma fonte, acrescentando que ainda não há dados policiais sobre o caso.

Segundo a mesma fonte, a vítima era uma mulher, nascida em 1972 e natural de Lisboa, que se encontrava a viver na Alemanha para onde tinha emigrado na companhia do namorado, também de nacionalidade portuguesa.

 

Ler artigo completo na Tvi24, aqui

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios