FR

Link para inquéritoO regresso como emigração: o caso dos jovens adultos portugueses

Início / Recursos / Recortes de imprensa 2009
Macau tem "sentido de portugalidade muito intenso"
2009-06-10

As comemorações em Macau do Dia de Portugal, Camões e das Comunidades Portuguesas são "muito vividas e com um sentido de portugalidade muito intenso".

Fernando Serrasqueiro, Secretário de Estado do Comércio, Serviços e Defesa do Consumidor, que está em Macau em representação dos órgãos de soberania portugueses para as comemorações do 10 de Junho, salientou o trabalho das associações da comunidade portuguesa no território e o seu papel na defesa da língua e cultura portuguesas.

"Aqui o movimento associativo é um movimento muito importante. O meu reconhecimento pelo trabalho que aqui têm feito quer de natureza cultural, quer na defesa da língua", afirmou.

Depois de assistir à cerimónia do hastear da bandeira no consulado-geral de Portugal em Macau, Fernando Serrasqueiro presidiu à romaria à gruta de Camões, onde alunos das escolas portuguesa e luso-chinesas desfilam em frente da gruta onde se diz que o poeta português escreveu parte de Os Lusíadas.

Antes do desfile, folclore português e a leitura de um poema de Camões ("Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades"), em português e chinês, marcaram a manifestação cultural portuguesa neste 10 de Junho em vários espaços de Macau e sempre com a presença de representantes do Governo local.

Fernando Serrasqueiro salientou que o 10 de Junho em Macau "tem uma expressão diferente" porque Portugal teve muita influência na região.

"De qualquer forma, as pessoas vivem este dia, muito intenso, com a presença de Portugal, com o conhecimento de Portugal e até fico surpreendido porque há pessoas aqui que nunca foram a Portugal e que têm este sentimento de ligação à língua portuguesa e às tradições portuguesas que, de facto, não é frequente ver noutras comunidades", sublinhou.

"Há portugueses aqui que não têm qualquer referência [de Portugal] que não seja aquela que aqui foi adquirida", concluiu o governante, que termina o dia de comemorações do 10 de Junho com uma recepção na residência consular, onde receberá a secretária para a Administração e Justiça de Macau, Florinda Chan, que neste momento exerce interinamente as funções de Chefe do Executivo por Edmund Ho estar fora de Macau.

Jornal de Notícias, aqui, acedido em 15 de Junho de 2009.

 

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 322

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios