FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2015
Eles atacaram, Paris resiste:o mundo une-se depois das horas que a França não vai esquecer
2015-11-15
Depois de uma noite trágica, Paris tenta recuperar, ao mesmo tempo que se toma consciência da dimensão dos ataques perpetuados. O balanço oficial feito pelas autoridades francesas revela que morreram pelo menos 129 pessoas. Os ataques, produzidos por três equipas de terroristas, provocaram ainda 352 feridos, dos quais 99 se encontram em estado grave. Perante o cenário negro, o mundo vestiu-se de azul, branco e vermelho. Vivem as cores da bandeira francesa num período em que se toma consciência do perigo a que todos estão sujeitos.

Foram quarenta minutos que a França não esquecerá. Tudo começou na sexta-feira, no Stade de France, quando eram 20h20 em Lisboa. Durante o amigável entre as seleções francesa e alemã, três terroristas fizeram-se explodir em três momentos diferentes nos arredores do estádio.

Seguiram-se os tiroteios na Rua Alibert e na Rua Bichat, no coração da capital francesa. Terroristas assaltaram os restaurantes Le Petit Cambodge Le Carillon. Morreram 14 pessoas.    

 

Ler artigo completo na RTP, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios