FR

Link para inquéritoO regresso como emigração: o caso dos jovens adultos portugueses

Início / Recursos / Recortes de imprensa 2015
Costa quer reformas para travar emigração de jovens
2015-08-29
O secretário-geral do PS, António Costa, acusou Passos Coelho de ser uma ameaça ao diminuir os custos do trabalho quando o que o país precisa é de reformas para travar a emigração de jovens qualificados.

"O primeiro-ministro disse há alguns meses que a grande frustração que levava desta legislatura era não ter conseguido reduzir os custos do trabalho", afirmou António Costa, o que considera ser "uma ameaça sobre o que ele quereria fazer se tivesse oportunidade de continuar" a liderar o governo na próxima legislatura.    

Mas, para o secretário-geral do PS, o que Pedro Passos Coelho tem de saber "é que as reformas que são precisas no mercado de trabalho não são para baixar os custos, para precarizar o trabalho e facilitar o despedimento". São, acrescentou, reformas "para não continuarmos a perder esta geração mais qualificada que está a ir trabalhar para fora, porque lá fora encontra emprego que não encontra com dignidade e qualidade em Portugal".

No ex-karting de Santa Cruz, que encheu de militantes para assistir comício da "rentrée" política do PS, António Costa virou o discurso para os jovens e o futuro "de Portugal e dos portugueses", para o qual defendeu como essencial restabelecer "a confiança" que dá lema à sua campanha.

 

Ler artigo completo no Jornal de Notícias, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 322

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios