FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2015
Quanto vale o voto dos portugueses no Reino Unido?
2015-05-07
Pelo menos 7.600 portugueses com nacionalidade britânica poderão votar nas eleições desta quinta-feira, no Reino Unido, desde que se tenham inscrito. São os únicos dados oficiais disponíveis, que se referem a pedidos de cidadania nas últimas duas décadas. De resto, não há outros números que mostrem o impacto dos votos da população estrangeira.
Nas eleições locais e europeias, qualquer cidadão da União Europeia pode votar. 

O caso é diferente nas eleições para o parlamento - as eleições gerais: só têm direito a votar os portugueses (e outros estrangeiros) que tenham também nacionalidade britânica e que se tenham inscrito atempadamente nestas eleições. 
A Comissão Eleitoral do Reino Unido não tem um número oficial de estrangeiros ou portugueses que possam votar. Mas, segundo as estatísticas britânicas, há 7.600 portugueses que pediram nacionalidade britânica entre 1990 e 2013. Se a este valor somássemos os filhos de emigrantes já nascidos nas ilhas britânicas, o valor poderia disparar. 
Em 2013, viviam no Reino Unido 107 mil pessoas nascidas em Portugal, segundo oObservatório da Emigração. O número corresponde a 1,4% do total de estrangeiros no país, que terá eleições esta quinta-feira.
O Reino Unido foi no último ano o país de destino preferencial da emigração portuguesa, sobretudo de quadros superiores - recebeu 30 mil novos emigrantes portugueses. 
Com nacionalidade portuguesa, que inclui nascidos em antigas colónias, por exemplo, são 139 mil, segundo o observatório que estuda os fluxos migratórios em Portugal.
O Reino Unido é o oitavo país do mundo onde residem mais portugueses emigrados. No contexto europeu, é o quinto país com mais emigração portuguesa.
A comunidade portuguesa não é, ainda assim das mais numerosas no Reino Unido, que viu a questão da emigração tornar-se tema central nesta campanha eleitoral. 
Entre uma população total de cerca de 63 milhões de habitantes, o Reino Unido acolhe quase 8 milhões de estrangeiros nascidos fora do país, um valor que, segundo oObservatório das Migrações britânico, mais do que duplicou numa década. 
Cidadãos com nacionalidade estrangeira (nascidos no RU) são 5 milhões, segundo as estatísticas oficiais.  
  
Ver Renascença, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios