FR

Link para inquéritoO regresso como emigração: o caso dos jovens adultos portugueses

Início / Recursos / Recortes de imprensa 2015
Emigrateca Portuguesa
2015-04-10
Situado numa área geográfica marcada pelo fenómeno emigratório, o Museu do Casal de Monte Redondo tem vindo a promover a criação de um fundo bibliográfico especializado sobre a emigração – “emigrateca portuguesa”, constituída por amostras de trabalhos académicos sobre a emigração de nacionais, isoladamente e no seu contexto internacional. Complementarmente acolhe estudos sobre a população e a sociedade portuguesa, as comunidades luso-descendentes residentes no estrangeiro e a imigração em território nacional.

A diversidade de trabalhos disponíveis e o interesse em facultar a sua consulta a um público mais vasto justificou a oferta de parte da documentação recolhida à Biblioteca José Saramago - Instituto Politécnico de Leiria, mantendo a divulgação on-line de um breve acervo digital. Este é essencialmente constituído por trabalhos do autor e de outros investigadores, com o fim de enquadrar o fenómeno emigratório português ao longo do tempo e nos seus diversos contextos geográficos e culturais.

O projecto inicial, divulgado em 5 de Outubro de 2009, tem vindo a ser melhorado no seu formato e conteúdo em função das disponibilidades materiais e apoio para a sua realização. Através dele pretendemos contribuir para o melhor conhecimento da sociedade portuguesa contemporânea e valorizar a memória e extensão dos espaços de cidadania dos portugueses no estrangeiro e dos demais cidadãos residentes entre nós.

Os textos estão agrupados em três domínios temáticos:

  1. Memorial da Emigração Portuguesa- bosquejo histórico da evolução e características do movimento no espaço e ao longo do tempo;
  2. Lusitanis in Diáspora- situações e traços do movimento e da comunidade lusa em diferentes países e de alguns fenómenos que lhe andam associados;
  3. Migrações e Desenvolvimento- recolha de estudos diferenciados sobre a emigração portuguesa e as suas relações com a sociedade de origem e o desenvolvimento humano da população.

Além dos textos apresentados a plataforma inclui ‘sites' de instituições nacionais e internacionais de referência, relacionados com o estudo das migrações internacionais.

Jorge Carvalho Arroteia
11 de Fevereiro de 2015

 

Ver Site, aqui.

 

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 322

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios