FR
INQUÉRITO

Expectativas

de regresso de portugueses no estrangeiro
Início / Recursos / Recortes de imprensa / Antes de 2009
Remessas dos emigrantes estão em queda
2008-09-05

Os dados disponíveis indicam que os portugueses residentes no estrangeiro pouparam menos sete por cento este ano. Nos primeiros seis meses de 2008, as poupanças dos emigrantes sofreram uma queda em relação ao primeiro semestre de 2007, ficando-se pelos 1,1 mil milhões de euros. Em todo o ano de 2007, os emigrantes enviaram para Portugal quase 2,6 mil milhões de euros.

O maior corte registou-se nas remessas enviadas pelos portugueses residentes na Venezuela. Nos primeiros seis meses de 2008, estes emigrantes enviaram menos 3,1 milhões de euros, um corte de 31% em relação a igual período do ano anterior.

A maior subida registou-se nas poupanças dos emigrantes radicados em Espanha, país onde as remessas enviadas para Portugal aumentaram 56,5% entre 2006 e 2007. Só no primeiro semestre deste ano, as remessas provenientes deste país aumentaram 101%.

De 2006 para 2007, as remessas dos emigrantes aumentaram 311 milhões de euros.

Mundo Português, Setembro de 2008.

 

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios