FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2014
Pedreiros portugueses contratados a mais de 1000 libras por semana
2014-12-09
Falta de pedreiros no Reino Unido faz com que as grandes empresas de construção venham recrutar pedreiros a Portugal e lhes paguem mais de 1000 libras por semana. Sector está a crescer no país.

A falta de pedreiros no Reino Unido fez com que muitas empresas britânicas recusassem contratos de construção, por isso, elas começaram a vir a Portugal contratar especialistas nesta área, e pagam mais de 1200 euros por semana. O setor da construção vai crescer no próximo ano no Reino Unido e as empresas esperam recrutar mais 11% de pessoal, procurando por isso profissionais fora do Reino Unido.

Um relatório da Manpower, citado pelo jornal The Guardian, revela que as empresas de construção do Reino Unido, confrontadas com a falta de pessoal especializado, especialmente no que diz respeito a pedreiros, têm vindo recrutar a Portugal, pagando até 1000 libras por semana - ou seja, mais de 1200 euros. Normalmente estes trabalhadores recebem cerca de 500 libras por semana - cerca de 630 euros -, mas a falta de trabalho especializado nesta área fez com que o dinheiro pago a um pedreiro duplicasse em 2014.

O relatório revela mesmo que uma em cada três empresas e construção tem recusado novas empreitadas devido à falta de trabalhadores. A tendência de recrutamento no setor da construção vai continuar a subir, já que segundo outro relatório da Manpower - empresa especializada em recrutamento e tendências de mercado de trabalho - o mercado de trabalho na construção vão voltar aos níveis de 2007, com um aumento de 9% nas contratações antecipando assim um crescimento da atividades destas empresas no Reino Unido.

 

Ver Observador, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios