FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2014
Dia 23 de Abril, no CES-Lisboa, sessão: "O português, língua da herança e a sua evolução"
2014-04-22
Sessão sobre os portugueses em Montreal e na Alemanha na "Mesa-redonda interdisciplinar: A diversidade dos espaços linguísticos em Portugal e nos seus contextos migratórios".

O encontro tem como objetivo principal o intercâmbio interdisciplinar sobre as línguas, seus usos e discursos em Portugal e em contextos de migrações. Pretende-se que os participantes possam dar a conhecer, debater e discutir os trabalhos mais recentes na área, por um lado no que se refere ao contacto entre diferentes reportórios linguísticos num determinado território, por outro, na evolução de cada reportório linguístico considerando os seus vários processos. Pretende-se igualmente proporcionar um espaço de criação de sinergias entre investigadores de diferentes centros nacionais e internacionais de investigação linguística, sociolinguística e sociologia da linguagem e das migrações, aptos a organizar eventos em volta desta temática. Este evento é acolhido pelo Núcleo de Estudos sobre Humanidades, Migrações e Estudos para a Paz (NHUMEP) do CES. 

Participantes e organizadores
Clara KeatingRaquel MatiasOlga SolovovaFabio Scetti (Ceped, Paris V)  e Paulo Feytor Pinto (ILTEC)

Participantes convidados
Cristina Flores (ILCH, Universidade do Minho), Lachlan Mackenzie (ILTEC, Lisboa; VU University Amsterdam),Dulce Pereira (ILTEC, Lisboa), Fernanda Pratas (CNUL, FCHS, Universidade Nova de Lisboa), Larysa Shotropa(CNUL, FCHS, Universidade Nova de Lisboa) e Vera Ferreira (CIDLeS, Minde)

PROGRAMA

9h00 - Acolhimento

9h30 - 10h30 - Início dos trabalhos e ronda de apresentações dos participantes e dos seus projectos

10h30 - 11h45 - Sessão 1: Sobre a diversidade linguística em Portugal e na Europa - entre perspectivas académicas e políticas
(15 minutos - 45 minutos - seguido de debate - 30 m; total - 1h 15m)

Clara Keating (CES, Coimbra)
Lachlan Mackenzie (ILTEC, Lisboa, VU University Amsterdam)
Raquel Matias (CES, Coimbra /CIES, Lisboa)

11h45 - 12h00 - Pausa café

12h00 - 13h15 - Sessão 2: Atitudes e políticas linguísticas em Portugal
(15 minutos - 45 minutos - seguido de debate - 30 m; total - 1h 15m)

Paulo Feytor Pinto (ESE-IPS, ILTEC, Lisboa)
Dulce Pereira (ILTEC, Lisboa)
Olga Solovova (CES, Coimbra)

13h15 - 14h15 - Almoço

14h30 - 15h45 - Sessão 3: O português, língua da herança e a sua evolução
(apresentações 45 minutos - seguido de debate - 30 m; total - 1h 15m)

Cristina Flores (ILCH, Univ Minho)
Fábio Scetti (Ceped, Paris V)

15h45 - 16h00- Pausa café

16h00 - 17h15 - Sessão 4: O panorama das línguas do Portugal contemporâneo
(apresentações 45 minutos - seguido de debate - 30 m; total - 1h 15m)

Fernanda Pratas (CNUL, FCHS, Univ Nova de Lisboa)
Vera Ferreira (CIDLeS, Minde)
Larysa Shotropa (CNUL, FCHS, Univ Nova de Lisboa)

17h15 - 18h15 - Sessão final: balanço

Notas biográficas


Fabio Scetti, licenciado em Mediazione Linguistica e Culturale pela Università degli Studi di Milano, é mestre em Langues Etrangères na Université Sorbonne Paris IV. Actualmente é doutorando em Ciências da Linguagem na Université Descartes Paris V, sob a orientação da professora Christine Deprez, onde desenvolve uma tese sobre a evolução da língua portuguesa na comunidade portuguesa de Montreal, no Canadá, focando no processo de transmissão e na relação entre a língua e a identidade do grupo.

Ana Raquel Matias, doutorada em sociologia pelo ISCTE-IUL (Paris) e INED (Paris), especializou-se no cruzamento entre a sociologia das migrações internacionais e a sociologia da linguagem, tendo como interesse principal no seu trabalho o estudo dos trajectos de vida de descendentes de imigrantes na Europa, bem como as políticas de imigração, integração e linguísticas. Actualmente é pós doutoranda pelo CES, sob a orientação da professora Clara Keating, num estudo sobre as atitudes linguísticas dos descendentes de imigrantes africanos a frequentar ensino bilingue coordenado pelo ILTEC e o Agrupamento Escolar do Vale da Amoreira.

Olga Solovova é investigadora do Centro de Estudos Sociais e membro do Núcleo de Humanidades, Migrações e Estudos para a Paz.É mestre em Linguística Descritiva (Especialização em Sociolinguística e Sociologia da Linguagem) pela Universidade de Coimbra, com a dissertação sobre práticas multilingues de escrita e leitura no seio de crianças filhos de imigrantes de Leste europeu em Portugal (2006). A sua tese de doutoramento fala sobre políticas de língua que sustentam a existência de escolas informais de línguas para além de português em Portugal. Os seus interesses de investigação centram-se em questões de ideologia linguística e políticas de língua, construções discursivas de identidade cultural em sociedades multilingues, bem como em abordagens multilingues à literacia e alfabetização.

Clara Keating é investigadora no Centro de Estudos Sociais, membro do Núcleo de Humanidades, Migrações e Estudos para a Paz e Professora Auxiliar de Estudos Linguísticos e do Discurso no Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (DLLC/FLUC). Doutorada e mestre em Linguística (Lancaster, Ph.D e Cambridge, M.Phil) e licenciada em Línguas e Literaturas Modernas (Inglês/Alemão) pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Desenvolve um olhar etnográfico, discursivo, e sociocultural para os fenómenos do multilinguismo, ideologias linguísticas, alfabetização, letramento e aprendizagem informal (principalmente em adultos) a partir de uma perspetiva performativa e material da linguagem como acção e actividade textualmente mediada. Os seus cursos em 1º, 2º e 3º ciclos incidem nas áreas dos estudos sociolinguísticos, de alfabetização e discurso, em diálogo com os estudos sociais, feministas, culturais e da antropologia. (ler mais)

Maria Helena Mira Mateus. Linguista e Professora Catedrática Jubilada de Linguística na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FLUL), doutorada em Linguística (1978) e Agregação em Linguística Portuguesa na FLUL. Notabilizou-se na área da Fonologia Portuguesa, foi Presidente da Associação de Professores de Português (1978-80), e da Associação Portuguesa de Linguística (1984-86), cargo por que é de novo responsável, o de Vice-Reitora da Universidade de Lisboa (1986-89) e o de Diretora da Revista Internacional de Língua Portuguesa (1987-2000, tendo dirigido desde 1988 o Instituto de Linguística Teórica e Computacional (ILTEC).

Maria Isabel Gonçalves Tomás, professora auxiliar da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas - UNL, e especializada na Sociolinguística, na Crioulística, e nos Processos linguísticos e contextos sociais na obsolescência e extinção das línguas.
Paulo Feytor Pinto, mestre em Relações Interculturais (1999) e doutor em Estudos Portugueses, especialização em Política de Língua especialidade em Política de Língua pela Universidade Aberta (2008), é investigador integrado do ILTEC e professor adjunto convidado na Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal.

Dulce Pereira, licenciada em Filologia Românica (variante de Linguística), pela Faculdade de Letras de Lisboa (1975), investigadora no ILTEC e Docente na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Áreas de investigação: Crioulos de Base Portuguesa e Língua Cabo-verdiana, Linguística Geral, Planificação Linguística, Sociologia da Linguagem.

Cristina Flores, mestre em Estudos Luso-Alemães - Formação Bilingue e Intercultural pela Universidade do Minho (2004), doutorada em Ciências da Linguagem (2008), área de Linguística Alemã, é professora auxiliar e directora do Departamento de Estudos Germanísticos e Eslavos da Universidade do Minho. Áreas de investigação: Bilinguismo; Aquisição de L2; PLNM; Erosão linguística; Língua de Herança; Linguística alemã e portuguesa.

CES, aqui.

 

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios