FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa 2013
Livro desvenda a história dos políticos portugueses
2013-11-01
O livro "California's Portuguese Politicians - A Century of Legislative Service", uma obra de Alvin Ray Graves que lembra o contributo dos emigrantes portugueses deste estado na política dos Estados Unidos, é hoje lançado em Tulare, na Califórnia.

O livro é patrocinado pela Portuguese Heritage Publications of California, uma organização sem fins lucrativos que estimula a investigação sobre a presença portuguesa neste estado, e pela Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD), que decidiram "capturar e documentar este aspeto menos conhecido mas não menos fascinante da experiência portuguesa na Califórnia".

O autor disse à agência Lusa que "o livro não é sobre políticas e participação eleitoral, mas sobre pessoas, pessoas que decidiram concorrer a um cargo público e venceram".

Alvin Graves não é português, mas casou com uma portuguesa de terceira geração, cujos avós eram da ilha Terceira, nos Açores.

"Apaixonei-me pela sua família, especialmente pelos seus avós. Aprendi tudo sobre a cultura portuguesa e sobre os Açores com eles", explicou à agência Lusa.

Em 1969, fez um mestrado na Universidade da Califórnia sobre as leitarias portuguesas no vale de São Joaquim e, mais tarde, aprofundou o estudo com uma dissertação sobre o papel destes emigrantes na agricultura.

Em 2002, a Portuguese Heritage Publications of California convidou-o a rever estas investigações, o que resultou na publicação do livro "The Portuguese Californians".

Pouco tempo depois, Jim Costa foi eleito para o Congresso, onde se juntou a três outros luso-americanos, Richard Pombo, Dennis Cardoza e Devin Nunes, todos com origem no Vale de São Joaquim.

"Conhecia estes homens, mas não conseguia identificar outros luso-americanos que tivessem servido no Congresso ou no Senado. Por isso, decidi investigar todos os luso-americanos que tivessem servido a um nível estatal ou federal. Descobri que quase nada tinha sido feito a este nível e que havia muita informação errada que tinha de ser corrigida", lembrou.

"O resultado é um relato biográfico e histórico dos políticos. É uma coleção de biografias introdutórias para que quem tenhas interesse no tema disponha de um ponto de partida", explicou Graves.

O investigador considerou "culturalmente relevante que tantos membros luso-americanos do Congresso venham desta zona do país e não de outras, quando menos de 10% dos luso-americanos vivem no Vale de São Joaquim".

O norte-americano explicou que estes políticos "têm maior capacidade de sucesso numa zona agrícola como a que são eleitos se assumirem um interesse nestes temas e porque é reconhecido o papel [dos portugueses] nesta indústria".

"Quando decidem concorrer, as suas hipóteses são maiores por causa do papel que eles, os seus pais e os seus avós tiveram nas comunidades locais durante mais de 100 anos", disse Graves.

Diário de Notícias, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 322

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios
ceg Logo IS logo_SOCIUS Logo_MNE Logo_Comunidades