FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2012
Consulado-geral cria acervo audiovisual da emigração portuguesa
2012-05-23
O consulado-geral de Portugal em Paris pretende criar um acervo audiovisual, com fotografias, vídeos e filmes sobre a história da emigração portuguesa em França, para "preservar a memória coletiva", disse à Lusa fonte oficial.

Ana Nave, responsável pelo serviço cultural do consulado, disse à agência Lusa que o projeto, "que é ainda um embrião", vai "recolher, reunir e catalogar" material audiovisual "que documente a história da comunidade portuguesa em França".

Este espólio "vai ganhar corpo com o apoio de todos os que viveram e vivem a experiência de chegada a este país", estejam ainda França ou já em Portugal.

"Queremos evitar que essas memórias se percam e, ao mesmo tempo, contribuir para construir a história da emigração portuguesa aqui. Depois veremos a melhor forma de potenciar o material que recebermos", acrescentou.

O consulado pode guardar os documentos originais ou ficar com cópias, dependendo da vontade dos proprietários.

Estima-se que vivam em França mais de um milhão de portugueses e lusodescendentes. A parte mais significativa desta comunidade é resultado do forte movimento migratório registado entre o final dos anos de 1950 e meados dos anos 70, durante a ditadura militar portuguesa.

DN Portugal, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios