FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2011
Cavaco diz ter confiança na "maturidade cívica" dos portugueses
2011-11-13
O presidente da República disse ter confiança na "maturidade cívica" dos portugueses, que estão dispostos a mudar de rumo "com realismo", apelando à diáspora para que apoie o esforço que está a ser feito pelos "irmãos de Portugal".

"Tenho confiança na maturidade cívica dos portugueses, que compreenderam a gravidade da situação do país e estão dispostos a mudar de rumo, com realismo e sentido patriótico", afirmou o chefe de Estado, Cavaco Silva, no jantar do Portuguese-American Leadership Council of de the United States (PALCUS), que decorreu, sábado à noite, em Washington.

"Apelo à diáspora portuguesa que apoie o esforço que está a ser feito pelos seus irmãos de Portugal, quer investindo em Portugal, ou adquirindo bens portugueses, quer exercendo a prestigiada influência de que dispõe junto dos empresários e dos investidores norte-americanos. Estou certo de que Portugal pode contar convosco", frisou.

Reiterando a ideia que tem vindo a repetir desde que chegou terça-feira aos Estados Unidos para uma visita de uma semana, o chefe de Estado deixou a garantia da determinação de Portugal em prosseguir o esforço que está a ser feito para cumprir o "ambicioso programa de ajustamento orçamental e de reformas estruturais" que foi subscrito com a 'troika'.

"Existe na sociedade portuguesa um amplo reconhecimento da necessidade de prosseguir esse esforço, apesar dos sacrifícios que daí decorrem", reforçou.

Numa intervenção com muitos elogios à comunidade portuguesa e de luso-descendentes que vive nos Estados Unidos, o presidente da República considerou que "são a imagem do melhor de Portugal". Contudo, defendeu, é essencial que essa comunidade mantenha o prestígio que "indiscutivelmente detém na sociedade norte-americana".

Por outro lado, continuou, a diáspora portuguesa "é um elemento essencial para que Portugal ponha em prática uma diplomacia económica que evidencie as potencialidades do país e a qualidade dos seus produtos e que seja capaz de mobilizar investimento externo de qualidade".

A diplomacia económica tem, aliás, sido apontada pelo ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, que acompanhou a visita presidencial aos Estados Unidos desde o primeiro momento, como a sua principal prioridade. Mas Paulo Portas acabou por já não ouvir esta intervenção do Presidente da República, pois já tinha embarcado para Bruxelas, onde irá participar numa reunião de ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia.

Antes do discurso de Cavaco Silva, foram entregues os prémios anuais atribuídos pela PALCUS, com a presidente do PSD/Açores e presidente da câmara municipal de Ponta Delgada, Berta Cabral, a receber o Prémio Liderança 2011.

Cavaco Silva chega, este domingo, a San José, na Califórnia. O primeiro ponto da visita será só às 17.00 horas locais (já início de madrugada em Portugal, devido à diferença horária de oito horas), na Igreja Nacional das Cinco Chagas.

Jornal de Notícias, aqui.

 

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios