FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2010
Madeirenses bem sucedidos em Jersey
2010-09-09
Revela um estudo da Universidade de Southampton, citado pela estação BBC

Um estudo da Universidade de Southampton revela que os emigrantes portugueses, muitos dos quais madeirenses, conseguem ser bem sucedidos em Jersey, mesmo sem um bom conhecimento da língua inglesa. Devido ao elevado número de lojas e cafés portugueses existentes na região, falar inglês não é visto como um requisito importante.

O estudo, que foi divulgado pela estação televisiva BBC, comprova que os emigrantes portugueses têm mais possibilidade de encontrar trabalho do que os emigrantes polacos, mesmo que estes possuam mais conhecimentos e invistam na aprendizagem do inglês.

O estudo, financiado pela União Europeia, cita vários exemplos de emigrantes nascidos em Portugal continental e na Madeira que começaram por trabalhar como agricultores e que actualmente possuem negócios próprios e são bem sucedidos, apesar de não terem muitos conhecimentos da língua inglesa.

De acordo com as estatísticas oficiais, em 2009, Jersey tinha 92.500 habitantes, dos quais 5.500 eram nascidos em Portugal (muitos dos quais oriundos da Madeira). Os dados da Segurança Social subsequentes confirmam que este número se mantém constante. Quanto aos emigrantes polacos, o chefe de estatística Duncan Gibaut disse à BBC que existem entre 3 e 4 mil polacos a viver em Jersey ao mesmo tempo, contudo, apresentam uma grande rotatividade de pessoas.

Diário de Notícias da Madeira, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios