FR

Link para inquéritoO regresso como emigração: o caso dos jovens adultos portugueses

Início / Recursos / Recortes de imprensa 2010
Conselheira das Comunidades pela Austrália visitou portugueses em Camberra e Sydney
2010-09-06
A Conselheira das Comunidades Portuguesas pela Austrália, Ana Gonçalves Pereira realizou em Agosto uma visita às comunidades portuguesas em Camberra e Sydney com o Acordo da Segurança Social e o ensino da língua portuguesa na agenda.

No dia 12 de Agosto a conselheira uma reunião em Camberra com membros da comunidade. "A reunião foi muito útil e informativa, além de se discutirem vários assuntos de interesse para a comunidade residente", revelou numa comunicação enviada a O Emigrante/Mundo Português,  onde destaca que o Acordo da Segurança Social e a necessidade de uma escola de língua portuguesa, foram questões em destaque.
Ana Gonçalves Pereira, que esteve acompanhada pela professora Mécia Freire, membro suplente do Conselho das Comunidades Portuguesas (CCP), disse apoiar a abertura da escola e prometeu dar o seu melhor contributo na organização da mesma, "para que os jovens possam conhecer a língua de Camões".
A conselheira teve ainda uma reunião com o embaixador de Portugal na Austrália, Rui Quantrin Santos. "Discutimos os assuntos referidos e (o embaixador) prometeu, não só em fazer diligências para a futura escola de Camberra, bem como solucionar as necessidades do ensino da língua em toda a Austrália", explicou Ana Pereira, acrescentando que Rui Quantrin Santos mencionou ter "em perspectiva alguns planos para melhorar e consolidar a demanda do ensino".
Em relação ao Acordo da Convenção da Segurança Social o diplomata afirmou que "irá debruçar-se atentamente sobre os pontos menos favoráveis, para que seja  possível encontrar alguma forma de entendimento a favor dos cidadãos portugueses", disse Ana Pereira. No entanto, acrescentou devido à legislação australiana "o assunto requer alguma perícia e diligência".
Em Sydney, a conselheira esteve presente na Festa do Sr. Monte, organizada pelo Portugal Madeira Club e realizou uma reunião com membros da comunidade portuguesa, no Sydney Portugal Community Club, tendo estado ainda com os professores responsáveis pelos cursos de língua portuguesa. "O objectivo destas reuniões foi transmitir à comunidade, informações do CCP, órgão  consultivo do Governo Português, para as politicas relacionadas com a emigração, e também para conhecer os anseios e discutir assuntos de seu interesse", sublinhou Ana Pereira
Para além do Acordo da Segurança Social e do ensino do português, em Sydney foram discutidas outras questões, como "a criação do Lar para Terceira Idade e queixas referentes aos nossos Consulados". "Os presentes manifestaram a insuficiente informação que os consulados passam à comunidade, e o encerramento diário pelas 13 horas. Avançaram com algumas propostas, afim de facilitar o atendimento. Seria vantajoso para a comunidade, o consulado manter-se aberto pelo menos um dia por semana, até às 16 ou 17 horas", destaca Ana Pereira.
"Tenho o prazer de realçar a participação na reunião do dia 15 no ( Frazer) das jovens Liliana e Anita da Silva. Trouxeram-nos um projecto ambicioso e de grande impacto para a comunidade portuguesa:  construir uma Biblioteca em Sydney. Foram encorajadas a seguir com o projecto", revelou ainda a conselheira.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 322

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios