FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2010
Brasília acolhe conferência internacional sobre futuro da língua portuguesa
2010-03-27
Brasília – A capital do Estado da República Federativa do Brasil está a acolher de 25 a 31 de Março no Palácio de Itamaraty, a Conferência Internacional sobre o Futuro da Língua Portuguesa no Sistema Internacional da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Em declarações à Angop, por telefone, o historiador angolano Felipe Vidal, frisou que a referida conferencia está dividida em dois segmentos, sendo o Público e o Técnico Governamental.Salientou que o evento tem como principais objectivos debater sobre o “Projecto da língua portuguesa em foros multilaterais”, “Importância da língua portuguesa na diáspora”, bem como a “Difusão pública nos meios de comunicação de massa”.

 

Dentre outros pontos, vai também abordar o "Fortalecimento da língua portuguesa", "Cooperação educacional e cultural para o ensino no espaço da CPLP", "Participação da sociedade civil", bem como o "Estudo e desenvolvimento do acordo ortográfico".

Presidida a abertura da conferência o secretario-geral do Ministério das Relações Exteriores da República Federativa do Brasil, Aguiar Patriota, enquanto ministro do pelouro em exercício.

Asseverou que ao tomar a palavra por Angola, o director da Europa do Ministério das Relações Exteriores (MIREX),  Osvaldo Varela, frisou duas vertentes para abordagem da problemática em questão, uma Inter Comunitária e outra Extra Comunitária.

Na sua intervenção, o responsável apresentou propostas as delegações participantes em enviar Embaixadores de Língua Portuguesa numa vertente Comunitária, além de uma Edição de Dicionários de Literatura dos oito países da CPLP.

A delegação Angolana esteve representada ao mais alto nível na Conferencia, sendo o chefe da comitiva o director da Europa, Osvaldo Varela, bem como o embaixador de Angola no Brasil, Leovigildo e Silva, e alguns deputados da bancada parlamentar do MPLA.

Integraram também a delegação altos funcionários do MIREX e das embaixadas de Angola em Portugal e  no Brasil.

Integrou na parte angolana como observador na CPLP, a FAAN (Fundação António Agostinho Neto), representada por Manuel Vanda.

Agência AngolaPress, aqui.

 

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios