FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa / 2010
Autarca de Paris quer nova estratégia de Portugal para as comunidades lusófonas
2010-01-20

Uma delegação do município de Paris, chefiada por um autarca luso-descendente, inicia hoje uma visita de trabalho a Lisboa para debater a criação de parcerias com o sector privado e a alteração da estratégia de Portugal para as comunidades.

A comitiva, liderada por Hermano Sanches Ruivo, tem encontros previstos com a Câmara Municipal de Lisboa (CML), a Associação Nacional de Municípios, o Governo português e o sector privado. "O Governo (português) não pode ser para nós apenas o ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE), embora essa seja a porta natural e que está aberta. Mas a secretaria de Estado das Comunidades não tem meios adequados para uma política de expansão", disse Hermano Sanches Ruivo, em entrevista à Lusa na terça-feira.

Na análise de Sanches Ruivo, "o jogo entre o MNE e a secretaria de Estado não é suficientemente eficaz. O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas não pode ser o secretário de Estado da Emigração. Tem que ser o secretário de Estado da boa utilização e rentabilização da presença portuguesa fora".

De Portugal, "infelizmente, há uma falta de conhecimento de realidades das comunidades portuguesas e, depois, quando eventualmente se chega a uma conclusão, há falta de capacidade de acção e falta de interactividade", disse o autarca à Lusa.

i, aqui.

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios