FR
Início / Recursos / Recortes de imprensa 2010
Um milhão emigrado na União Europeia
2010-01-03
Emigração: Há 965 mil cidadãos nacionais espalhado por 27 países Suíça, Espanha e Alemanha são principais destinos dos portugueses na Europa, depois da França

França permanece como o destino de eleição da emigração portuguesa, segundo os últimos dados divulgados pelo Eurostat, organismo de informação estatística da União Europeia (UE). Os 492 mil portugueses que vivem em França representam a maioria dos 3,6 milhões de estrangeiros ali residentes. Os argelinos com 477 mil são o segundo grupo mais representativo, seguidos dos marroquinos, com 366 mil.

Os portugueses emigrados em França são mais de metade (52%) dos nacionais que escolheram viver na União Europeia. No conjunto dos 27 países vivem 965 mil portugueses. Fora da União Europeia estão também emigrados na Suíça 183 mil portugueses.

Para além da França, os portugueses são também a maioria dos estrangeiros no Luxemburgo. Vivem no Grão-Ducado 80 mil portugueses, seguidos de 28 mil franceses.

Espanha surge como o segundo país de destino da emigração portuguesa na UE com 140 mil nacionais. A Alemanha é o terceiro país da União Europeia com mais portugueses: 114 mil. Mais de cem mil portugueses vivem também no Reino Unido e 34 mil na Bélgica.

Portugal conta, por sua vez, com 446 mil imigrantes, que representam 4,2% dos 10,6 milhões de habitantes. As comunidades mais representativas são a brasileira com 70 100 pessoas e a cabo-verdiana com 64 700. Em terceiro lugar surgem os ucranianos: são 39 600. No conjunto dos 27 países da União Europeia vivem 30,7 milhões de estrangeiros.

APONTAMENTOS

TURQUIA

A Turquia conta com a maioria dos emigrantes na Europa. São 2,4 milhões, dos quais 1,8 vivem na Alemanha, 109 mil na Áustria e 94 mil na Holanda.

MARROCOS

Há 1,7 milhões de marroquinos na Europa. São 650 mil em Espanha, 461 mil em França e 366 mil em Itália. Há também 594 mil argelinos. Albânia tem um milhão.

ROMÉNIA

A Roménia é o país da UE com mais cidadãos a viver nos restantes 26 países: 1,6 milhões. Segue-se a Itália com 1,3 milhões e a Polónia com 1,2.

João Saramago

Correio da Manhã, aqui.

 

 

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte-iul.pt

Parceiros Apoios