FR
Início / Recursos / Teses e dissertações
Emigração feminina com destino a França nos anos 1960-1975
2016-09-15
Mélanie Catherine Callegari Rodrigues apresentou, em 2011, uma dissertação de mestrado em História, na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, sobre a emigração feminina no concelho da Figueira da Foz com destino a França. +

Título  A emigração feminina no concelho da Figueira da Foz com destino a França : (1960-1975)
Autor  Mélanie Catherine Callegari Rodrigues
Orientadora  Irene Maria Vaquinhas
Data  2011
Institutição  Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
Área  Dissertação de mestrado em História

http://hdl.handle.net/10316/20411

Resumo  “O tema da emigração é recorrente na história de Portugal, em todos os tempos os portugueses saíram do país em busca de aventura, de melhores condições de vida e de trabalho. Constitui, pois, um tema que tem merecido vários estudos e são muitos os trabalhos elaborados em torno da emigração portuguesa. Sendo um tema muito analisado, o estudo que se efectuou procurou desenvolver um aspecto menos conhecido, a emigração das mulheres no âmbito da microhistória, mais concretamente no concelho da Figueira da Foz, entre 1960 e 1975. A emigração feminina caracteriza-se essencialmente pela sua planificação, pela organização e enquadra-se numa segunda fase da emigração: a do reagrupamento familiar. Foi uma emigração maioritariamente legal ao contrário da masculina. O estudo tem, portanto, como objectivo analisar o processo emigratório feminino, desde a sua situação em Portugal até à instalação em França. Como base de estudo, recorreu-se, entre outras fontes, aos Boletins de Emigração, elementos chaves dos processos de emigração, na medida em que disponibilizam os elementos essenciais acerca da emigrante. A título complementar, fizeram-se também entrevistas a antigas emigrantes de forma a aceder aos lados mais privados e escondidos dos processos emigratórios: as condições das viagens, os seus custos, as dificuldades do quotidiano em França, sobretudo no que respeita ao alojamento.”

 

Abstract  “The emigration’s theme is recurrent in the history of Portugal. Since ever Portuguese left the country searching adventure, a better life and work. It’s thus a subject that has required several studies and there are a lot of works written about the Portuguese emigration. Being a subject much analysed, the study made tried to develop a less known aspect, such as the emigration of women in micro-history, specifically in Figueira da Foz’s municipality, between 1960 and 1975. The characteristic of women’s emigration is its plannification and organization and it’s inserted into a second phase of emigration: The family reunion. It was mainly a legal emigration in opposition of men’s. Those, the main aim of this study is to analyse the female emigration process, since its beginning in Portugal, until their settlement in France. As a basis for this study we used among other sources the Emigration Bulletins, key elements for emigration process as they provide essential elements about emigrant woman. We also interviewed former emigrants in order to obtain information about private and hidden aspects of the emigration process, conditions of travelling and its costs and difficulties of everyday life in France, specially as accommodation is concerned.”

Observatório da Emigração Centro de Investigação e Estudos de Sociologia
Instituto Universitário de Lisboa

Av. das Forças Armadas,
1649-026 Lisboa, Portugal

T. (+351) 210 464 018

F. (+351) 217 940 074

observatorioemigracao@iscte.pt

Parceiros Apoios